Samuel Zuqui se filia ao PSDB com apoio de Casagrande

No gabinete do governador – Deputado estadual Emílio Mameri (PSDB), governador Renato Casagrande (PSB) e Samuel Zuqui (PSDB), abraçados numa demonstração de carinho e união política.

Samuel Zuqui, ex-prefeito de Piúma, carrega consigo a larga experiência em administrar o município por quatro mandatos

Samuel Zuqui, ex-prefeito de Piúma, se filiou ao PSDB para concorrer ao cargo de prefeito nas eleições municipais de 2020. A assinatura na sigla foi apadrinhada pelo deputado estadual Emílio Mameri com o aval do governador Renato Casagrande, aliado histórico de Samuel. A história de Zuqui com o PSDB começou em 1996, quando disputou a prefeitura pela segunda vez, saiu vitorioso e foi reeleito no partido. Recentemente, Samuel foi convidado por diversas siglas, mas a parceria de anos com Emílio e Renato Casagrande foram essenciais para a volta ao ninho tucano. Também fazem parte da base aliada de Samuel nas eleições de 2020, os Democratas, liderado pelo deputado estadual, Theodorico Ferraço e sua esposa, deputada federal, Norma Ayub. O PSD do ex-prefeito de Vila Velha, Neucimar Fraga, é outro partido que deve caminhar com Zuqui. Também irão compor na futura coligação, o PC do B e o PMN, este, da deputada estadual Janete de Sá

.A força do povo – Samuel, além de contar com lideranças importantes no cenário estadual e federal, já tem uma gama enorme de pré-candidatos a vereadores – mais de 70 – e 5 partidos, isso, muito antes da campanha política começar, o que significa o quanto ele é querido na população piumense.

Experiência – Samuel Zuqui, pela experiência adquirida em seus quatro mandatos e de mostrar a vontade em remodelar a administração pública municipal, voltada mais para o social econômico, vem gerando uma confiabilidade incrível junto à população.  

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Fechar Menu